A Associação Profissão Jornalista – APJor é uma organização nascida do Movimento Jornalistas Pró-Conselho, criada na assembleia de 22 de outubro de 2016, na Câmara Municipal de São Paulo, com a presença de 40 jornalistas. 

Nossos objetivos são “realizar estudos e organizar atividades com vistas a ampliar o conhecimento sobre o exercício profissional dos jornalistas e apoiar a atividade profissional dos jornalistas, tomando como base os princípios de que o jornalista é um profissional essencial para garantir o direito à informação plural da sociedade brasileira, o que por sua vez é condição para o fortalecimento da democracia no País”, como está em nosso Estatuto.

Também constitui um de nossos objetivos específicos “garantir as condições materiais para a existência do Movimento Jornalistas Pró-Conselho (...)”, “defender o direito à informação, a liberdade de expressão e a liberdade de imprensa no Brasil”; “promover o exercício ético do jornalismo por parte dos jornalistas profissionais” e “apoiar e colaborar com as organizações que atuem na defesa do jornalista no exercício da profissão”, entre outros.

 

DIRETORIA

A APJor elegeu sua primeira Diretoria e a composição do Conselho Fiscalizador da Gestão na mesma assembleia em que foi fundada, em 22 de outubro de 2016, para mandatos com vigência até 31 de março de 2019.

É a seguinte a composição da Diretoria e do Conselho Fiscalizador da Gestão:

DIRETORIA – Outubro de 2016 – Março de 2019

Presidente - Frederico Barbosa Ghedini (Fred Ghedini);

Vice-presidente - Adalberto Wodianer Marcondes (Dal Marcondes);

Diretor Administrativo-Financeiro - Fábio Rogério Ramalho;

Suplente da Diretoria - Luciana Juhas;

Suplente da Diretoria - Mônica Paula da Silva;

 

CONSELHO FISCALIZADOR DA GESTÃO

Membros do Conselho de Fiscalização da Gestão

Efetivos:

               Bia Bansen;

               Carla Andrea Schwingel (Caru Schwingel);

               Celso Dobes Bacarji; e

Pedro Oswaldo Nastri (suplente).

0
0
0
s2smodern

Aos jornalistas e às jornalistas

Difícil para a maioria dos brasileiros e para os próprios jornalistas 2016 teve, pelo menos para o grupo que participa do Movimento Jornalistas Pró-Conselho, uma novidade alvissareira: a criação da Associação Profissão Jornalista.

O projeto de Estatuto que está na página web é ainda o que foi apresentado à assembleia (leia a notícia reproduzida abaixo que traz, também, a composição da Diretoria e do Conselho Fiscalizador da Gestão). Mas as modificações feitas não mudaram em nada o essencial da proposta inicial.

Nesta passagem de ano estamos no meio do processo de elaboração do planejamento para o primeiro biênio da APJor (2017-18). Quem se interessar em acompanhar o que vem sendo debatido pode fazê-lo pelos seguintes links:
- convite para a realização do Planejamento e sequência de fotos;
- podcasts com as falas iniciais, utilizadas para motivar os debates dos participantes.

Por meio desta mensagem a Diretoria da APJor dá aos colegas e às colegas os votos de boas festas e deseja um 2017 melhor do que foi este conturbado 2016. De nossa parte vocês podem ter a certeza que nos empenharemos ao máximo para compreender, da forma mais ampla e aprofundada possível, a desafiadora situação que envolve o jornalismo e os jornalistas. Para que nossas ações sejam as mais proveitosas no interesse da coletividade dos jornalistas e da sociedade brasileira.

São Paulo, 23 dez. 2016. Fred Ghedini, em nome da Diretoria da APJor.

A composição ficou assim: 

Diretoria - Fred Ghedini (presidente), Dal Marcondes (vice), Fábio Ramalho (diretor administrativo-financeiro) com Luciana Juhas (suplente da diretoria e diretora de comunicação) e Mônica Paula (suplente, diretora de formação).
Conselho Fiscalizador da Gestão: Bia Bansen, Caru Shwingel e Celso Bacarji (membros) e Pedro Nastri (suplente).
Estavam presentes na Assembleia de criação da APJor 43 pessoas, das quais 41 eram jornalistas que preencheram suas fichas de filiação à Associação Profissão Jornalista.

Participação
Houve uma boa discussão sobre vários pontos da proposta inicial do Estatuto e alguns deles foram alterados durante a assembleia, transmitida em tempo real pelo serviço de internet da Câmara Municipal de São Paulo.

Um dos pontos acrescentados é que as assembleias, eleições e outras atividades da Associação poderão ser realizadas com participações tanto presenciais quanto à distância, desde que a direção consiga implantar um sistema que dê segurança aos associados e à própria associação para que isso ocorra.

Nos próximos dias a diretoria e os demais interessados trabalharão para finalizar os pontos da redação do Estatuto que precisam ser adequados ao que se decidiu na assembleia.

Primeiro resultado financeiro
Coletamos durante a assembleia R$ 270 para o processo de registro do Estatuto e da Ata de fundação da Associação Profissão Jornalista. Faremos mais alguma outra atividade para completar o valor necessário ao registro em cartório.

A primeira reunião da diretoria será em 9 de novembro, às 19h30 no Sindicato dos Jornalistas. Na ocasião será debato um plano de trabalho e as atividades imediatas.

Vários colegas que não conseguiram estar na assembleia terão outras oportunidades para participar, seja nas reuniões quinzenais da diretoria, seja nas atividades que serão preparadas nos próximos meses, presenciais ou à distância.

Fred Ghedini/Dal Marcondes/Luciana Juhas – 25 out. 2016

0
0
0
s2smodern